CVC - Viagens

Bem-vindo a CVC,

(sair)

 

Um paraíso esperando por você!

Metrópoles, montanhas nevadas, praias, vinhedos, vulcões e lagos compõem o cenário da Nova Zelândia. Com tantos cenários variados, o país da Oceania agrada a diversos públicos, como casais em lua de mel, golfistas, aposentados, ciclistas, aventureiros e amantes da gastronomia e de vinhos. 

 

A Nova Zelândia fica situada no hemisfério sul e não há voos diretos entre o Brasil e a Nova Zelândia. As melhores opções para chegar até o país são embarcar em Buenos Aires na Argentina ou Santiago do Chile. Neste paraíso dos esportes radicais, com influência das culturas maori, europeia e asiática, a aventura e preguiça, ciclismo e boa mesa, vida urbana e natureza, neve e mar convivem bem numa mesma viagem. Bem-vindo, ou melhor, Kia Ora!

 
quando ir

Localizada no Hemisfério Sul, a Nova Zelândia apresenta as mesmas estações do ano que o Brasil. As quatro estações são bem marcadas e a época certa para viajar depende da experiência desejada. O inverno rigoroso costuma atrair praticantes de esportes na neve.

Veja mais informações sobre o idioma, moeda local, taxas, documentação, peso da bagagem e muito mais!
 

Fotos

A Nova Zelândia rende fotos maravilhosas e aventuras inesquecíveis. Entre as opções estão a agitada vida noturna das grandes cidades, a tranquilidade dos parques e a beleza das praias quase desertas. Some a isso geleiras e vulcões enormes, além de ilhas incríveis!

A área de Milford Sound é de tirar o fôlego e serviu de cenário para gravações de O Senhor dos Anéis (Crédito: Thinkstock)
A vila de Hobbiton, construída para ser cenário dos filmes e destino turístico, é um dos locais mais sensacionais para se visitar (Crédito: Thinkstock)
O azul marcante do Lago Tekapo é outro espetáculo. A cor é resultado da ação do gelo, que deixa um “pó glacial” na água (Crédito: Thinkstock)
Conheça sensacionais vistas para o mar, como na Cathedral Cove, local famoso no litoral de Coromandel, na Ilha Norte (Crédito: Thinkstock)
O Monte Kook fica ao lado da geleira da Tasmânia e cercado por outras montanhas de um parque nacional na lha Sul (Crédito: Thinkstock)
A cosmopolita Auckland é o principal destino do país. Seu charme fica por conta do belo visual ao redor da Mission Bay (Crédito: Thinkstock)
A segunda maior cidade do país, Wellington, oferece entretenimento urbano e várias opções culturais e gastronômicas (Crédito: Thinkstock)
Entre as atrações de Rotorua está a “piscina champagne”, de origem vulcânica, onde a água chega a mais de 70ºC (Crédito: Thinkstock)
Com cerca de 88 quilômetros de extensão, a Ninety Mile Beach é cobiçada por surfistas e usada como estrada para carros 4x4 (Crédito: Thinkstock)
O vulcão Taranaki é considerado um dos mais simétricos da Nova Zelândia e fica próximo de praias, florestas e trilhas (Crédito: Thinkstock)
Considerado o lago mais cristalino do mundo, estima-se que o Blue Lake tenha visibilidade de 80 metros de profundidade (Crédito: Thinkstock)
As atrações naturais inspiram a prática dos mais diversos esportes. O snowboard, por exemplo, atrai turistas do mundo inteiro (Crédito: Thinkstock)
Christchurch possui belas vistas para as águas da baía Pegasus, região famosa pela produção de vinho (Crédito: Thinkstock)
O lago Taupo, formado após uma erupção vulcânica, é famoso pela pesca de truta em suas águas transparentes (Crédito: Thinkstock)
A queda do rio Waikato, na região do lago Taupo, é uma das atrações naturais mais procuradas do país (Crédito: Thinkstock)
O parque nacional Abel Tasman abriga incríveis praias e lagos, além de trilhas que podem durar dias pelo litoral (Crédito: Thinkstock)
A cidade de Queenstown é perfeita para praticar esportes no lago, tours de bicicleta, caminhadas e outras atividades ao ar livre (Crédito: Thinkstock)
 

Principais cidades

Passar pela capital, Wellington, e pela cidade mais populosa, Auckland, garante boa visão do que as principais metrópoles têm a oferecer em compras, gastronomia e diversão. Já a região de Rotorua oferece uma amostra das paisagens incríveis que as atividades geológicas deixaram como patrimônio ao longo do tempo. Compre agora sua passagem aérea para a Nova Zelândia e viva esta aventura!

Crédito: Thinkstock

Auckland

Também conhecida como “cidades das velas”- o esporte é paixão nacional! -, a principal cidade da Nova Zelândia está no topo da lista dos locais mais amigáveis do mundo. Tal título é facilmente visto pelos turistas. Afinal, além da relação da metrópole ser positiva com quem a visita, a harmonia entre natureza e modernidade amplia a sensação de bem-estar. O terreno cercado de vulcões inativos convive bem com avenidas que beiram belas praias e bairros com lojas badaladas, além de construções grandiosas, como a famosa Sky Tower - onde também há um restaurante e mirante.

Crédito: Thinkstock

Wellington

Tranquilidade é o que define a capital neozelandesa, localizada ao sul da Ilha Norte. Contato frequente com a natureza e atrações culturais - quase sempre gratuitas - proporcionam experiências únicas na cidade, cercada pelo mar e áreas verdes. Visite galerias de arte, museus, parques e praias ou passeie por restaurantes, pubs e cafés próximos à orla. Atrações relacionadas ao filme O Senhor dos Anéis também estão por perto, como o museu e a loja da empresa Weta Digital, responsável pelos efeitos especiais do longa.

Crédito: Thinkstock

Rotorua

É impossível não se apaixonar por Rotorua, região que convive intensamente com atividades geotermais. Localizada na Ilha Norte, a área é formada por vários vilarejos e oferece atrações bem diferentes do que estamos acostumados aqui no Brasil. Há piscinas de lama e águas borbulhantes de tão quentes, além de crateras, gêiseres e lagos. O cenário é ideal para esportes radicais, como ciclismo e paraquedismo, e boa opção para tratamentos com águas termais.

Crédito: Thinkstock

Christchurch

Dona de instituições que atraem estudantes do mundo inteiro e cercada por parques, montanhas, rio e mar, Christchurch garante uma viagem inesquecível. Na segunda maior cidade do país, sempre há opções de cultura, lazer e gastronomia. Destaque à catedral da cidade, feita de papelão, com o objetivo de ser uma obra sustentável. 

Crédito: Thinkstock

Queenstown

Conhecida como ‘capital da aventura’, Queenstown, na ilha Sul,  está cercada por montanhas, cumes nevados e águas do lago Wakatipu. Aproveite a oportunidade e pratique esportes como paraquedismo, esqui e o famoso bungee jumping no rio Kawarau. Outra atração é a vista do alto do teleférico Skyline

 

Atrações

Os apaixonados por aventura não podem deixar de incluir no roteiro dos pacotes para a Nova Zelândia alguns dias para curtir nevepraia floresta, tudo no mesmo dia! Para aproveitar ao máximo este destino do outro lado do mundo, inclua no seu roteiro o vilarejo de Hobbiton, as belezas naturais de vulcões como o Mount Taranaki, as praias de Auckland e muito mais!

Crédito: Thinkstock

Monte Cook

Nos locais mais próximos do mar da Tasmânia, na Ilha Sul, o clima é inconstante e gelado mesmo durante no verão. Entre os destaques está o famoso Mount Cook, ponto mais alto do país, com 3,7 mil metros de altura. O entorno do monte, cercado pelas geleiras do Aoraki Mount Cook National Park, recebe muitos ventos vindos do oceano, o que dificulta o trajeto de alpinistas e voos de helicópteros, mas a paisagem fabulosa compensa o esforço. Prova disso são as frequentes visitas guiadas para trilhas, esqui e escaladas. 

Crédito: Thinkstock

Praias

Durante o inverno as águas geladas podem não tornar as praias tão tentadoras, mas a paisagem compensa a ida até o litoral em qualquer época do ano. Entre as mais conhecidas está a espetacular reserva marinha de Cathedral Cove e Bay of Islands, lar de 144 ilhas e centenas de praias de areia branca, os dois destinos na Ilha Norte. Além do Parque Nacional de Abel Tasman, localizado no início da Ilha Sul, onde golfinhos e lobos te esperam bem próximo à costa.

Terra do Hobbit

Algumas florestas, cavernas e colinas escolhidas para as filmagens das trilogias O Senhor dos Anéis e O Hobbit estão próximas de grandes cidades, como Auckland e Queenstown - para delírio dos fãs! -. As cenas exploraram vários lugares, como os lagos Wakatipu e Glenorchy, mas a atração mais concorrida é o condado de Hobbiton, construído em uma fazenda de Matamata, na Ilha Norte. Cenários inconfundíveis como o Green Dragon Pub e as tocas de Frodo e Bilbo podem ser visitados em passeios guiados.

Aventura

O país recebe constantemente cientistas e aventureiros maravilhados pelas formações geológicas únicas. A Ilha Norte, por exemplo, abriga paisagens impressionantes entre cavernas iluminadas por vagalumes, cavernas subaquáticas, florestas tropicais, vulcões, gêiseres e montanhas, como o Mount Taranaki, vulcão inativo de 2,5 mil metros de altura coberto pela neve.

Crédito: Thinkstock

Fiorde Milford Sound

Os fiordes (aberturas entre as montanhas por onde o mar entra) guardam as paisagens mais bonitas da ilha Sul. Contornado por águas cristalinas, rochas e cachoeiras, o fiorde Milford Sound é um dos destinos mais visitados do país. O local ficou ainda mais famoso ao se tornar cenário da saga O Senhor dos Anéis. A região de Fiordland engloba este e outros fiordes, além de penhascos e florestas. Para ver tamanha beleza de perto, inclua no roteiro passeios de barco guiados. A cidade mais próxima é Queenstown, a cerca de três horas de carro.

Crédito: Thinkstock

Península de Coromandel

Destino cobiçado no verão, a Península de Coromandel abriga praias, florestas e pequenas cidades. Localizada na ilha Norte – cerca de duas horas de Auckland –, é perfeita para trilhas e mergulhos. A Cathedral Cove, uma espécie de corredor natural de águas termais entre as praias Cathedral Cove Beach, Hahei Beach e Hot Water Bay, está na lista dos principais pontos turísticos. 

Maravilhas geotermais

Por estar localizada em uma área de grande movimentação das placas tectônicas, a Nova Zelândia concentra paisagens quase irreais. As formações geotérmicas criaram cenários incríveis como a Hot Water Bay (praia com águas quentes), o Kerosene Creek (spa natural com águas termais e cachoeiras) e o Ngawha Springs (espaço com lama terapêutica). 

Crédito: Thinkstock

Parques nacionais

Cerca de 30 mil quilômetros quadrados do território de Nova Zelândia é ocupado por parques nacionais. Espalhadas de norte a sul, estas reservas naturais preservam formações geológicas, animais e vegetação abundante em todos os tipos de terreno. Destaque para o parque Fiordland (onde está o famoso Milford Sound e o Doubtful Sound - o fiorde mais profundo do país!) e ao parque Abel Tasman (com praias, trilhas litorâneas e uma ilha habitada por focas).

Crédito: Thinkstock

Lagos

O atrito entre o gelo e a rocha, assim como restos de materiais glaciais, dão aos lagos da Nova Zelândia cores impressionantes. No Tekapo, por exemplo, a água ganha uma forte tonalidade azul turquesa, enquanto o Tasman lembra leite graças à cor branca. Já o Lake Taupo merece destaque por estar na área de um antigo vulcão. 

Crédito: Thinkstock

Variedade de esportes

Com cenários tão diversificados, os neozelandeses se tornaram especialistas em esportes de natureza, como vela, surf, canoagem, escalada, esqui e snowboard. Há espaço também para o radical bungee jumping e o tradicional rugby. 

Animais nativos

As ilhas neozelandesas abrigam diversos animais exclusivos daquela região.  O kiwi (ameaçado de extinção), pequeno pássaro que se tornou símbolo da Nova Zelândia, é um exemplo. A ave kea, a coruja morepork e o golfinho-de-hector são outras espécies nativas. 

Crédito: tepapa.govt.nz

Museu da Nova Zelândia - Te Papa Tongarewa

Na lista dos 20 melhores do mundo, o Museu da Nova Zelândia se tornou passeio obrigatório em Wellington. As atividades e a infraestrutura moderna resultam em um ambiente agradável para você conhecer a história, a natureza e a cultura maori, tudo de forma interativa, com vídeos e salas temáticas. Também há exposições de arte e serviços como visitas guiadas, eventos para crianças, lojas e cafés. A entrada é gratuita, mas os tours são pagos.

ENDEREÇO: Cable Street, 55 | PO Box 467 | Wellington

Rota do vinho

Marlborough, na ilha Sul, está entre as mais renomadas do mundo quando o assunto é vinho. Estima-se que a região abrigue 100 quilômetros quadrados de vinhedos e 50 vinícolas. A forte produção do vinho branco nessa área incentivou a criação de um festival anual de vinho. Aproveite para fazer um bate-volta saindo de Wellington (cerca de cinco horas de carro) e aproveitar o melhor da gastronomia local.

 

Hotéis

Aproveite o conforto dos melhores hotéis da Nova Zelândia para curtir paisagens incríveis e tudo o que cidades como Auckland e Queenstown têm a oferecer. Confira nossas sugestões e boa viagem!

Novotel Queenstown Lakeside

Cercado pelas belas paisagens de Queenstown, o hotel têm quartos com vista para as montanhas e para o lago Wakatipu, vizinho à propriedade. Você pode relaxar na jacuzzi e aproveitar as facilidades para crianças, como cardápio especial. O conforto dos serviços de restaurante, café da manhã e room service 24h complementam a infraestrutura. 

Reserve já seu hotel na Nova Zelândia!

Millennium Hotel Queenstown

Cercado por janelas amplas e um belo jardim, o ponto alto deste hotel é a vista privilegiada das montanhas. Destaque também ao restaurante The Observatory e ao Club Bar, ideais para provar pratos e bebidas regionais. Os quartos possuem secador de cabelo e o room service funciona 24h. 

Reserve já seu hotel na Nova Zelândia!

Best Western President Hotel Auckland

A localização privilegiada no centro da cidade é um dos diferenciais do President Hotel Auckland. Além do fácil acesso às lojas e espaços de lazer, o empreendimento oferece academia, internet gratuita (limite de 30 minutos) e café da manhã. Todas as acomodações oferecem estrutura para computadores e micro-ondas. Alguns quartos podem acomodar até cinco pessoas. 

Reserve já seu hotel na Nova Zelândia!

Auckland City Oaks

Aproveite o conforto dos quartos equipados com cozinha e amplas janelas com vista para a cidade. Entre os serviços oferecidos estão internet wi-fi gratuita e lavanderia. Além das instalações modernas, o hotel oferece fácil acesso a pontos turísticos, como a Sky Tower, restaurantes, parques e lojas. 

Reserve já seu hotel na Nova Zelândia!

 

Restaurantes

A Nova Zelândia também oferece excelentes experiências gastronômicas e variedade de sabores. Prove pratos da culinária clássica ou contemporânea acompanhados dos melhores vinhos locais. Conheça ainda sorveterias, pubs e cafés. Se preferir, reserve um dia para conhecer o famoso bar dos hobbits. Aproveite!

Crédito: Reprodução/facebook/orbitrestaurant

Orbit - Sky Tower

Este restaurante giratório é um dos mais famosos de Auckland. Com vista privilegiada da cidade, do alto da Sky Tower, oferece especialidades locais no cardápio e coleciona prêmios gastronômicos. Também há drinks e excelente carta de vinhos, além de menu específico para crianças.

ENDEREÇO: Top of Sky Tower, entre Victoria e Federal Streets | Auckland

Crédito: thefrenchcafe.co.nz

The French Café

O The French Café serve o melhor da culinária contemporânea. Prove saladas, peixes e doces, tudo feito com frutas e vegetais. Para acompanhar, escolha vinhos nacionais ou importados. A casa também oferece cardápio vegetariano, alterado diariamente. 

ENDEREÇO: Symonds St, 210 | Eden Terrace | Auckland

Crédito: ortega.co.nz

Ortega Fish Shack

Experimente saladas de salmão, vegetais com creme de queijo de cabra e frutos do mar. Os pratos principais sempre acompanham ingredientes marcantes, como manjericão ou purê de gengibre. Você também deve provar as porções de fritas e os doces.

ENDEREÇO: Majoribank Street, 16 | Wellington

The Green Dragon Bar

Parte dos cenários da trilogia O Senhor dos Anéis, o The Green Dragon Bar pode ser visitado na vila de Hobbiton. A Taverna do Dragão, com decoração típica da terra dos hobbits, é o local perfeito para experimentar cervejas especiais. Dentre as opções estão combinações com cacau, café ou frutas cítricas.

ENDEREÇO: Buckland Rd, 501 | Hinuera

Giapo Ice Cream

O elogiado sorvete do Giapo Ice Cream é sucesso gastronômico de Auckland. Aproveite a variedade de sabores e as decorações com esculturas de pasta de chocolate. A maior parte dos ingredientes (principalmente frutas) são produzidos na Nova Zelândia. O espaço também serve cafés e bolos.

ENDEREÇO: Queen Street, 279 | Auckland

Clooney Restaurant

Além do clima intimista, o Clooney Restaurant se destaca pela mistura das culinárias clássica e contemporânea. Os pratos com ingredientes como peito de pato, carne de cordeiro e alcachofra são repletos de personalidade. Conheça também as sobremesas e a carta de vinho com rótulos da Nova Zelândia, França, Alemanha, África do Sul, entre outros.

ENDEREÇO: Sale Street, 33 | Freemans Bay | Auckland

Orphans Kitchen

O ambiente jovem combina com as receitas inovadoras de sardinha, cordeiro, couve de Bruxelas, salmão, entre outros ingredientes.  O sucesso é tanto que muitas vezes você precisa enfrentar fila para conseguir uma mesa. O Orphans Kitchen ganhou fama pelo ótimo atendimento e ousadia dos pratos, já que o cardápio está sempre mudando. Também há carta de vinhos locais e internacionais, além de sobremesas deliciosas.

ENDEREÇO: Ponsonby Road, 118 | Ponsonby | Auckland

Pig and Whistle Historic Pub

A atmosfera de choperia torna o ambienta do Pig and Whistle Historic Pub informal e descontraído. Este tradicional bar de Rotorua serve uma grande variedade de cervejas, incluindo marcas locais. No cardápio, escolha entre saladas, nachos, sanduíches, porções e grelhados, como file de salmão, frango ou steak de carne. Escolha um dia com shows ao vivo e boa diversão!

ENDEREÇO: Entre Haupapa e Tutanekai Streets | Rotorua

 

Promoções

 

Observação: O conteúdo do texto acima é meramente informativo. A confirmação dos preços e informações sobre os serviços disponíveis são de responsabilidade das empresas mencionadas.

IMPORTANTE: O conteúdo desta página é protegido por direitos autorais. Fica proibida a reprodução dos conteúdos - textos, figuras e gráficos - do Portal, salvo prévia autorização por escrito da CVC.

*Os valores dos pacotes apresentados nesta página podem variar de acordo com a cidade de origem. Selecione sua localização e confira o menor preço disponível para sua localidade. Todos os preços estão sujeitos à disponibilidade de lugares no ato da reserva. Os valores dos pacotes acima são o total do quarto dividido pela quantidade de passageiros (adulto ou criança ou bebê).