Publicado em 01/12/2015
 
 
Compartilhe:
Confira outras dicas

Moderna e histórica, Budapeste é cheia de surpresas! Conheça curiosidades e atrações da capital húngara

Diversas pontes ligam Buda e Peste, as duas partes da capital da Hungria separadas pelo belo rio Danúbio (Crédito: Thinkstock)

Uma das capitais mais belas do mundo, Budapeste é cortada pelo rio Danúbio e interligada por diversas pontes. Reúne construções históricas, lojas, teatros e parques. Mas além da beleza de seus edifícios, a capital húngara tem muito mais a oferecer. Você sabia, por exemplo, que ela nasceu da fusão de três cidades distintas? Que a maior sinagoga da Europa fica por lá? Que Budapeste possui 118 fontes naturais de águas termais? Então embarque nesta viagem fascinante!

Um dos pontos turísiticos mais famosos é o Parlamento, às margens do Danúbio (Crédito: Thinstock)

Buda e Peste

Budapeste surgiu em 1873 com a fusão das cidades de Buda e Ôbuda (na margem direita do rio Danúbio) e Peste (na margem esquerda). Ao longo do rio Danúbio estão espalhadas várias pontes que ligam Buda, onde está a colina do Distrito do Castelo e construções históricas, e Peste, a parte mais animada e moderna, repleta de lojas, restaurantes, teatros e parques.  Budapeste é uma das cidades com melhor qualidade de vida da Europa e já dividiu com Viena a capital do Império Austro-Húngaro.

Pontos turísticos

Recheada de atrações históricas, Budapeste tem como principal ponto turístico o Castelo de Buda, antigo Palácio Real que abriga um complexo de edifícios, entre eles o Museu da História de Budapeste. Outro destaque é o Parlamento, localizado à beira do Danúbio e construído em estilo neogótico no século 19. Para completar, a Basílica de Santo Estevão guarda relíquias históricas e uma visita à cúpula rende lindas fotografias da cidade.


O Castelo de Buda abriga um complexo de edifícios e o Museu da História de Budapeste (Crédito: Thinkstock)

Idioma

A língua húngara é uma das mais difíceis do mundo, atrás apenas do polonês e do mandarim. Mas calma, não precisa desanimar! Por ser uma cidade frequentada por turistas de várias partes do mundo, grande parte da população de Budapeste sabe falar inglês, principalmente os jovens. No entanto, os mais velhos costumam ter dificuldade e na maioria das vezes não entendem a língua inglesa.

Moeda

Apesar de estar na Europa, a Hungria não aderiu ao euro como moeda oficial. Portanto, uma das principais vantagens em viajar para Budapeste é o câmbio: atualmente 1 real corresponde a 83,3 florins húngaros - cotação pesquisada em 26/11/2015.


Uma das atrações mais legais da capital são os banhos termais, nos spas da cidade (Crédito: Thinkstock)

Grande Sinagoga

A maior sinagoga da Europa fica em Budapeste. Tem capacidade para três mil pessoas e foi construída no século 19 em estilo bizantino-mourisco. Abriga museu com artefatos judaicos desde a Roma Antiga até o século 20. O detalhe é que apenas 0,1% da população húngara é judia. Grande parte dos judeus do país foi exterminada durante o regime nazista, que dominou a região na época da Segunda Guerra Mundial.

Termas

Os banhos termais são uma atração à parte na cidade. São 118 fontes naturais de água entre 21°C e 78°C. Os spas e piscinas térmicas naturais são abertos ao público e oferecem diversos pacotes e tarifas diferentes. Funcionam o dia inteiro, até as 22h.


Budapeste abriga a maior sinagoga da Europa, com capacidade para 3 mil pessoas (Crédito: Thinkstock)

Quer fotografar? Então pague!

Em vários museus e atrações é preciso pagar para tirar fotografias. Isso mesmo! Na hora de comprar o bilhete sempre peça “photo ticket”, um bilhete de cor diferente ou um selinho para colar na roupa. Desse modo você poderá fotografar à vontade a parte interna. E acredite, sempre conferem quem tem o bilhete!

Agora que você já conhece um pouco mais sobre a bela capital da Hungria, compre seu pacote para Budapeste e aproveite as promoções da CVC!

 

dica anterior
No coração do país, Brasília está cheia de atrações turísticas

próxima dica
A maior praia do mundo é nossa e fica no RS!