Publicado em 04/12/2015
 
 
Compartilhe:
Confira outras dicas

Confira 10 dicas para economizar em Orlando e nos parques da Disney, da Universal e do Sea World

Viajar para Orlando é sempre muito divertido. Nesta cidade dos Estados Unidos você encontra muitas opções de compras, além dos parques temáticos mais incríveis do mundo, como o Magic Kingdom, o Epcot, o Hollywood Studios e o Animal Kingdom – todos da Disney, que ainda oferece dois parques aquáticos –, além dos parques da Universal, do Sea World e do Busch Gardens, só para citar alguns.

Também conhecida por ser um paraíso de compras, Orlando tem muitos shoppings e outlets, oferecendo eletrônicos, roupas, perfumes, brinquedos, calçados e muitos outros. Mas se o orçamento anda meio apertado, confira abaixo 10 dicas para tornar sua viagem mais econômica, mas ainda sim inesquecível!

Aproveite o melhor de Orlando alugando um carro, assim conseguirá ir a todas as atrações (Crédito: Thinkstock)

1) Como Orlando tem atrações de sobra, para não perder tempo e curtir melhor tudo o que a cidade tem a oferecer, é preciso estar de carro. Muitos hotéis oferecem traslados grátis para os parques, mesmo os que não ficam dentro dos complexos. Outra possibilidade é o aluguel de carro para facilitar a locomoção e economizar o dinheiro do táxi.

2) Se puder, evite viajar na alta temporada (entre os meses de junho a agosto), quando os preços ficam um pouco mais salgados. A dica aqui é viajar entre abril e maio, quando o clima está quente, novas atrações já foram inauguradas nos parques e os preços ainda são de baixa temporada.

Hotéis dentro dos parques oferecem boas vantagens aos hóspedes (Crédito: Universal Orlando Resort)

3) O que não falta em Orlando é opção de hospedagem. Dentro ou fora dos parques existe uma infinidade de hotéis e até casas de aluguel. A vantagem de ficar hospedagem fora dos parques temáticos é o valor da diária, que costuma ser mais barata. No entanto, os hotéis da Disney e da Universal oferecem boas vantagens para seus hóspedes e acomodações de diferentes faixas de preços. Os hóspedes que ficam dentro dos complexos têm direito a diversos benefícios, o que garante conforto e até mesmo economia em alguns casos. As vantagens incluem serviço de transfer gratuito e passes “fura-fila”, por exemplo.

4) Faça o cálculo de quanto vai gastar na viagem e compre dólares ainda no Brasil. Leve uma boa quantidade de dinheiro vivo e use o cartão de crédito e o cartão pré-pago só quando for imprescindível, porque o imposto que incide sobre eles é de 6,38%. Ao comprar dólares no Brasil, o imposto é de 0,38%.

Ao visitar os parques, leve lanches e garrafas de água (crédito: referente ao trabalho artístico/propriedades Disney: ©Disney)

5) Se você quer visitar o máximo de parques durante sua visita, vale a pena comprar o passe de cada complexo, que dá direito a visitar um, dois ou até três parques em determinado período, do que o ingresso individual. A economia pode ser de mais de 50%.

6) Como as refeições dentro dos parques são mais caras, prepare lanches no hotel e leve na mochila. Fique atento às regras de cada parque sobre alimentação. No Sea World, por exemplo, é proibida a entrada com qualquer tipo de comida, exceto papinha de bebês ou para quem segue dietas especiais.

Ainda no Brasil faça uma lista de shoppings e outlets que pretende visitar (Crédito: Thinkstock)

7) Carregue sempre uma garrafinha para abastecer nos bebedouros ou nas torneiras das pias, pois a água de lá é potável. Manter esse hábito durante a viagem irá ajudar muito na economia, já que dentro dos parques uma garrafa de água custa US$ 3, em média.

8) As lojas que ficam dentro dos complexos sempre vendem produtos mais caros, apesar de contaram com uma variedade incrível. A dica é ir ao Walmart, com prateleiras lotadas de pelúcias, camisetas com logotipos e brinquedos originais que custam muito mais barato.

9) Ainda no Brasil faça uma lista dos shoppings e outlets que pretende visitar. Entre no site dos estabelecimentos e imprima os cupons de desconto das lojas. Alguns dão desconto de mais de 40%!

10) Se tiver um smartphone, baixe o aplicativo do Skype e use para fazer ligações para o Brasil dentro dos parques, já que a maioria tem wi-fi grátis.

Agora que você já está por dentro de todas as dicas, compre logo seu pacote para Orlando e agende sua viagem!

 

dica anterior
Teleféricos: confira paisagens incríveis nas alturas!

próxima dica
Explore as pirâmides mais incríveis do mundo