Publicado em 23/12/2015
 
 
Compartilhe:
Confira outras dicas

Conheça as principais vinícolas de Bento Gonçalves!

A Vinícola Aurora tem mais de 80 anos de história e hoje exporta vinhos para mais de 20 países (Crédito: Divulgação CVC)

Você já deve ter ouvido falar que a Serra Gaúcha é destino ideal para aproveitar o que há de melhor em vinhos. O Rio Grande do Sul produz 90% dos vinhos nacionais e concentra várias cidades que entendem bem do assunto. Para conhecer esse mundo de perto e visitar vinícolas premiadas, Bento Gonçalves, a cerca de 2h de Porto Alegre, é destino obrigatório.

A maior parte dos fabricantes fica no Vale dos Vinhedos, região situada a cinco quilômetros da área urbana da cidade. Bento Gonçalves mantém a tradição de produtora de vinhos há 140 anos e coleciona rótulos com certificado de qualidade – selo exclusivo para as bebidas feitas com as uvas da região. As vinícolas ficam abertas o ano todo para cursos, passeios guiados e visitas que acabam em degustação. Anote já nossas sugestões de passeio por lá e boa viagem!

A Aurora oferece visitas de segunda a domingo (Crédito: Divulgação CVC)

Vinícola Miolo

O trabalho de viticultura da Vinícola Miolo começou em 1897 com a ajuda de toda a família. Hoje mantém a sede no Vale dos Vinhedos e detém várias vinícolas espalhadas pelo Brasil, além de participação em empresas internacionais. Durante a visita você conhece parreirais e boa parte da história da família Miolo.

A sede ocupa uma área de 4,5 quilômetros quadrados que concentra muito verde, modernas instalações e uma loja. O principal vinho da empresa é o Miolo Lote 43, com dois diferenciais na produção: utiliza um pedaço especial da terra, que fica reservada e controlada, e mistura duas variedades de uvas: a Merlot e a Cabernet Sauvignon.

A Vinícola Miolo tem fama de oferecer passeios bem organizados (Crédito: Divulgação CVC)

Vinícola Aurora

Uma das mais tradicionais da região é a Vinícola Aurora, fundada em 1931 e repleta de prêmios internacionais. Uma das últimas conquistas foi a medalha de ouro no concurso Vinus, da Argentina, em 2014, com dois espumantes e o vinho Aurora Moscatel,  e duas medalhas de prata no concurso francês Effervescents du Monde, em 2015, com os espumantes Brut Chardonnay e Brut Procedências Chardonnay.

Há visitas disponíveis de segunda a domingo e você pode aproveitar para provar os famosos vinhos da linha Cabernet Sauvignon, com mistura de aromas de frutas vermelhas, eucalipto, pimenta, cacau e até tabaco.

A Torcello é uma das mais respeitadas vinícolas artesanais de Bento Gonçalves (Crédito: Divulgação CVC)

Vinícola Torcello

Entre as atrações da Vinícola Torcello estão o minicurso de degustação, a contação de histórias do Vale dos Vinhedos e a degustação gastronômica. Os turistas podem apreciar os aromas e sabores de vinho, espumantes e sucos de uva com mais conhecimento e ainda aprender sobre os tipos de pratos e alimentos que mais valorizam o sabor da bebida.

Aproveite para conhecer a produção da vinícola, conhecida por ser artesanal e manter uma produção pequena – são cerca de 10 mil garrafas de vinhos tintos por ano. As visitas acontecem de segunda a domingo e também em feriados. Confira com antecedência a necessidade de fazer agendamentos.

Os vinhedos da Vinícola Miolo rendem fotos incríveis com beleza natural por todos os lados (Crédito: Divulgação CVC)

Vinícola Salton

A experiência na visita à Vinícola Salton vai muito além da bebida. Aproveite para curtir a arquitetura histórica do principal edifício e apreciar a paisagem verde dos parreirais. Aposte em roteiros especiais para turistas e conheça as instalações da empresa que completou 105 anos de história em 2015. Ela ocupa uma área de aproximadamente 30 mil metros quadrados e tem seus produtos comercializados no Brasil e em vários outros países, como Estados Unidos, Canadá, Alemanha e Japão.

Um dos destaques de 2015 é o vinho tinto Paradoxo Pinot Noir, com nuances de nozes, café e chocolate. Vale a pena conhecer todo o processo, desde a produção até o engarrafamento. Parte do valor do ingresso para degustação pode ser utilizado na compra de produtos, mas as visitas guiadas são gratuitas.

Vista panorâmica dos parreirais da Vinícola Torcello (Crédito: Divulgação CVC)

Adega Cavalleri

A família Cavalleri instalou sua vinícola em 1987. A especialidade da casa são os espumantes, mas também há vinhos tintos e brancos na cartela de produtos. A produção é feita em uma área de 320 mil metros quadrados. São aproximadamente 120 mil litros engarrafados por ano.

Para chegar lá o caminho inclui belas paisagens verdes e restaurantes para você fazer um passeio tranquilo e no seu tempo. A vinícola também tem restaurante.

 

dica anterior
Deserto do Atacama é opção para viagem ao Chile

próxima dica
Veja os 10 jardins botânicos mais bonitos do mundo!