Publicado em 19/11/2015
 
 
Compartilhe:
Confira outras dicas

Entre calmas, quase desertas e agitadas, curta as 10 melhores praias do Rio

Brasileiros e estrangeiros conhecem o Rio de Janeiro pelo Cristo Redentor e suas praias. Mas além das famosas Barra da Tijuca, Ipanema e Copacabana na cidade maravilhosa, o estado carioca reserva um litoral com diferentes opções para vários perfis de visitantes que querem aproveitar banho de mar, proximidade com a natureza, quiosques agitados ou mar calmo para observar a vida marinha.

Fizemos uma galeria com as 10 melhores praias do Rio de Janeiro para você colocar no roteiro da sua próxima viagem. Dá uma olhada!

   
   

1 - Grumari (Rio de Janeiro)

Localizada dentro de uma área de proteção ambiental, Grumari encanta pelo contraste do visual da praia com o da vegetação dos costões e morros que a rodeiam. Você deve encontrar alguns quiosques rústicos por ali, além de mar relativamente calmo (Crédito: Thinkstock)

2 - Azeda e Azedinha (Búzios)

Essas praias minúsculas e charmosas são o lugar certo para relaxar, com águas calmas (que mais parecem uma piscina natural) e vasto cenário natural como moldura. O acesso é feito por caminhada a partir da praia dos Ossos. Durante a alta temporada, a praia lota (Crédito: Thinkstock)

3 - Farol (Arraial do Cabo)

Considerada uma das melhores praias do país, de águas azuladas e areias brancas, sua visita é restrita por tempo limitado, controlado pela Marinha. A praia é envolta por uma bela vegetação e convida seus visitantes para mergulhar até sem equipamentos. O acesso é feito só por barcos (Crédito: Thinkstock)

4 - Prainhas do Pontal (Arraial do Cabo)

O acesso não é dos mais fáceis, mas o trabalho compensa: mar azul cristalino, águas calmas, estreita faixa de areia branca e pouquíssimo movimento durante a semana, fora de temporada. Você pode acessá-la de carro ou como ponto final de passeios de barco (Crédito: Pulsar Imagens)

5 - Lopes Mendes (Ilha Grande)

Uma das praias favoritas da região, seus três quilômetros de extensão são planos, quase desertos e com águas incrivelmente cristalinas. O acesso por caminhada é difícil e longo (de duas a três horas); já de barco, você pode ir até a praia do Pouso e depois caminhar por cerca de 20 minutos (Crédito: Thinkstock)

6 - Forte (Cabo Frio)

O cenário da praia do Forte impressiona: mar transparente, águas azuis-esverdeadas e o Forte São Mateus fazem desta uma das principais praias da região dos Lagos e de Cabo Frio, com 7,5 quilômetros de extensão. Nas férias e feriados, vive lotada (Crédito: Pulsar Imagens)

7 - Arpoador (Rio de Janeiro)

O pôr do sol aqui é motivo de aplausos, com cenário que já vale a visita até para quem não quer pisar na areia nem entrar na água. Muito frequentada por jovens, a região atrai surfistas pelas ondas fortes na praia do Diabo. Um calçadão com bancos é point para um drinque no fim de tarde (Crédito: Thinkstock)

8 - Joatinga (Rio de Janeiro)

Quem vai a esta praia se sente pequenininho, de tão curta que é sua faixa de areia e tão grandes as pedras que a cercam. O lugar é ideal para quem prefere ambiente reservado e mais calmo. O mar agitado atrai surfistas em busca de boas ondas, mas torna o local inacessível em dias de maré alta (Crédito: Pulsar Imagens)

9 - Barra da Tijuca (Rio de Janeiro)

Sua extensão atinge 18 quilômetros de areias claras e mar cristalino. A região, afastada do centro da cidade, é a pedida para quem quer distância da bagunça. Um de seus trechos é mais urbanizado e com boa estrutura, enquanto o outro é quase deserto, na região da lagoa de Marapendi (Crédito: Thinkstock)

10 - Copacabana (Rio de Janeiro)

Sempre movimentada e famosa no mundo inteiro, é uma das praias clássicas a ser visitada no Rio. Costuma receber eventos esportivos, como campeonatos de futebol e vôlei de areia, grandes shows musicais e um dos maiores Réveillons do Brasil e do planeta (Crédito: Thinkstock)

 

dica anterior
Destinos para fugir do calor do verão

próxima dica
Cinco praias ideais para curtir com crianças