Publicado em 22/12/2015
 
 
Compartilhe:
Confira outras dicas

Percorra Lisboa a pé e veja suas principais atrações!

Ruas e vielas de Portugal guardam verdadeiros tesouros arquitetônicos e históricos. Mas prepare-se: há muitas ladeiras! (Crédito: Thinkstock)

Em nosso segundo post sobre cidades que podem ser conhecidas a pé, iremos percorrer Lisboa, capital de Portugal e terra do fado, do pastel de Belém e de construções históricas incríveis. A cidade desfruta da bela vista do rio Tejo e está recheada de atrações. Nossa aventura, no entanto, exige bom preparo físico: com muitas colinas, Lisboa não é moleza. Mas não desanime! O cenário vale muito a pena!

Ruínas do Convento do Carmo, destruído por um terremoto em 1755, é exemplar de arquitetura gótica em Lisboa (Crédito: Thinkstock)

Conhecer Lisboa a pé permite que o turista visite locais que passam despercebidos durante os tradicionais roteiros turísticos. Separamos alguns percursos que você poderá conhecer e combinar com outros, conforme o tempo de viagem que possui e sua disposição para caminhar. Confira aqui sua passagem área para Lisboa e agende logo sua viagem!

Baixa e Chiado

Nesse percurso você começa subindo o Elevador de Santa Justa, chegando até as ruínas do Convento do Carmo, destruído pelo terremoto de 1755 e único exemplar de arquitetura gótica que resta em Lisboa. O trajeto pelas ruas da Trindade, rua Garrett, calçada do Ferragial e a Praça D. Pedro IV irá permitir conhecer o Teatro da Trindade, a Igreja dos Mártires, a Igreja do Corpo Santo e a Igreja de S. Domingos, datada de 1241, com fachada do século 18.

Castelo de São Jorge, um dos principais pontos turísticos da cidade, fica no bairro Alfama (Crédito: Thinkstock)

Mouraria, Castelo e Alfama

Aqui o passeio começa junto à estação de metrô Martim Moniz. Conheça a Igreja da Senhora da Saúde, com belos azulejos. No pitoresco bairro da Mouraria, visite o Mercado Municipal do Chão de Loureiro, que integra ateliês de artistas plásticos. Um dos destaques neste roteiro é a Catedral da Sé, de 1147, onde é possível visitar o Tesouro da Sé e as ruínas romanas. No bairro de Alfama fica o imponente Castelo de São Jorge, com vista espetacular da cidade. Termine o roteiro no Largo do Chafariz de Dentro e visite a Casa do Fado e da Guitarra Portuguesa.

Escolha seu roteiro pelas ruas de Lisboa e descubra cenários incríveis (Crédito: Thinkstock)

Bairro Alto e Cais do Sodré

No alto do Elevador da Glória está o jardim e mirante de São Pedro de Alcântara. Mais adiante estão os Museus de História Natural, da Ciência e o Jardim Botânico. O Jardim do Príncipe Real é outra parada interessante, assim como a romântica Praça das Flores, com excelentes restaurantes. Não perca o Chafariz Monumental da Esperança, do arquiteto Carlos Mardel, e a Igreja de Santa Catarina, com belo mirante. Continue o roteiro descendo o Elevador da Bica, passando pelo Passeio Ribeirinho, onde você degusta peixe fresco grelhado no carvão. Termine o dia no bairro Alto, zona popular e com animada vida noturna.

Depois de passar pela Doca do Bom Sucesso você verá a famosa Torre de Belém (Crédito: Thinkstock)

Estrela, Prazeres, Alcântara e Docas

Comece pelo Jardim da Estrela e a Basílica da Estrela, em estilo barroco e neoclássico. Passe pela Praça São João Bosco, pelo Palácio das Necessidades (erguido no século 18) e pelo monumento a Cristo-Rei. Desça depois a calçada do Sacramento até o popular bairro de Alcântara e visite o Museu Nacional de Arte Antiga. Passeie pela Doca de Alcântara com grandes painéis do modernista português Almada Negreiros.

 

Mosteiro dos Jerônimos é parada obrigatória durante sua viagem a Lisboa (Crédito: Thinkstock)

Belém

Esta é uma região cheia de monumentos culturais de grande importância. Comece pelo Palácio de Belém e coma um pastel de Belém na famosa fábrica e pastelaria da esquina. Suba a Calçada do Galvão até o Jardim-Museu Agrícola Tropical e desça ao Mosteiro dos Jerônimos e ao Museu de Arqueologia. O Planetário Gulbenkian e o Museu de Marinha também valem a visita. Não perca também o espetacular Centro Cultural de Belém. Passe pela Doca do Bom Sucesso e chegará à famosa Torre de Belém.

Agora que você já tem o roteiro (ou mais de um!) para passear pela cidade, reserve seu hotel em Lisboa, porque é importante descansar depois de tanta caminhada! E não deixe ainda de ler nossa matéria A pé em Berlim, com dicas de passeios pela capital da Alemanha.

 

dica anterior
Itacaré: separamos 5 motivos para você curtir as praias da região!

próxima dica
Monte Verde: romance e aventura na serra mineira